Pneus Existe Prazo de Validade Para Usar? E o Rodizio Funciona?

Pneus tem validade? É correr risco utilizar um estepe novo, mesmo que esteja "guardado" por uns tres anos, para composiçao do jogo de pneus, assim comprando somente tres pneus novos?

Pneus Validade Sim, os fabricantes informam um prazo de validade de cinco anos para os pneus. Após esse período, em média, começa a degradaçao da borracha e as condiçoes de desempenho e segurança já nao sao as mesmas. A data de fabricaçao do pneu é informada por um número de tres algarismos, em uma das laterais, sendo o primeiro a semana e o último o dígito final do ano. Por exemplo, 156 indica 15a semana de 2006.

Naturalmente, o pneu que passou tres anos guardado como estepe (em geral dentro do porta-malas) nao foi submetido a esforços e variaçoes de temperatura e umidade acentuados como aquele usado na rodagem. Assim, nao há risco em colocar em uso seu atual estepe em conjunto a tres pneus novos. Apenas se lembre de que o ideal é que esse pneu seja substituído, ou volte a posiçao de estepe, daqui a cerca de dois anos.

Rodízio. Jogando em Todas as Posiçoes.

Preços dos pneus subiram muito nos últimos anos e uma das coisas que ajudam a aumentar a durabilidade e a economizar dinheiro é mudá-los regularmente de lugar.
A maioria dos motoristas somente percebe que o pneu é um componente que custa caro quando chega a hora da troca. Nesse momento, o cidadao faz as contas e conclui que os pneus poderiam ter durado mais. Mas, o que fazer para prolongar a durabilidade desse componente? Além de procurar manter sempre a calibragem correta e evitar choques contra buracos, meios-fios etc., o motorista pode recorrer ao rodízio dos pneus, que é uma forma de usar todo o potencial desse componente, já que esse procedimento compensa a diferença de desgaste entre os mesmos, aumentando a durabilidade e garantindo boa estabilidade, principalmente em curvas e frenagens.

O motorista deve se lembrar de que o ponto chave para que consiga maior durabilidade dos pneus e o desgaste de maneira uniforme é o primeiro rodízio, que, por isso, é considerado o mais importante. Tipo de traçao do veículo (dianteira ou traseira), tipo de pneu (radial, diagonal, unidirecional etc.) e o número de pneus envolvidos (os quatro ou cinco, incluindo o estepe) sao fatores que determinam o tipo de rodízio a ser realizado. Depois do rodízio, o motorista deve verificar o alinhamento da direçao, o balanceamento das rodas e a pressao dos pneus, para que o serviço seja completo.

Embora as recomendaçoes sejam parecidas, cada fabricante tem a sua. A Goodyear recomenda o rodízio a cada 5 mil quilômetros, independentemente do tipo de pneu. A Bridgestone/Firestone recomenda que o rodízio para pneus radiais de passeio seja realizado a cada 8 mil quilômetros, e para diagonais de passeio a cada 5 mil quilômetros. A Michelin recomenda que a troca de posiçao entre os quatro pneus seja feita a cada 7 mil quilômetros. E a Pirelli também recomenda o rodízio a cada 10 mil quilômetros para todos os pneus e inspeçao a cada 5 mil quilômetros.

Estepe.
Como pneu tem validade de cinco anos, o motorista deve incluir o estepe no rodízio, para evitar que seu prazo vença. E se a validade estiver vencida, quando o motorista precisar dele ou se lembrar de que ele existe, nao vai mais poder usá-lo, porque a borracha já estará ressecada. O estepe também pode ser incluído na primeira troca de pneus de um carro zero, se ele for da mesma medida dos outros quatro, reduzindo os gastos do motorista. Ou seja, em vez de trocar dois (os pneus devem ser trocados pelo menos aos pares, do mesmo eixo) ou quatro pneus, ele vai gastar com a compra de um ou tres pneus novos.